quinta-feira, julho 28, 2005

Olá, Laura!


«Olá! Eu sou a Laura, uma cadela galgo muito meiga, dócil e sociável. Até há bem pouco tempo fui leal e uma grande amiga para uma família. Só que eles foram de férias, e esqueceram-se de me levar com eles, como se de uma simples bagagem se tratasse. Fiquei quase um mês abandonada junto de um condomínio onde quase todos os moradores me tratavam bem. Acontece que entre tantos amigos, houve alguém que me traíu, chamando um homem do canil para me levar com ele e entre paredes cinzentas acabar com a minha vida... Uma amiga resgatou-me a tempo e fez uma viagem de 130 kms comigo. Neste momento estamos juntas num apartamento minúsculo em Aveiro, mas para além de eu não ter espaço sequer para me mexer, ela tem de me esconder da senhoria e de outras pessoas que dividem o apartamento com ela.

Estou demasiadamente assustada, mas se me acarinhares eu confio em ti. Preciso urgentemente de alguém disposto a dar-me muitos mimos para conseguir ultrapassar este trauma. Por favor, ajuda-me!»
Quem me puder ajudar numa solução para esta menina linda contactem-me via 91 884 03 78. Também eu estou assustada por não saber como a posso ajudar! Obrigada!

2 Comments:

Anonymous MO said...

Agradeço que divulgues a morada e telefone dos F_______D________P que abandonaram a cadela para serem invadidos de telefonemas.
Não podem ficar impunes!
E não tenham medo de acusar quem faz isto!
Caso não o queiras por aqui com medo de seres processado, dá-me o numero a mim que eu divulgo!

Obrigado

4:14 da tarde  
Blogger Isabel Magalhães said...

Faço algum voluntariado na APCA - Associação de Protecção aos Cães Abandonados, Canil de São Pedro de Sintra. É uma associação sem fins lucrativos e que vive de quotas, donativos, e apadrinhamentos. Sou portanto sensível ao assunto do teu post... e fico sem palavras quando isto acontece.
Os que apoiam os animais abandonados são poucos, comparados com os que os abandonam.
Espero que apareça um dono para esta cadelinha.
Eu já tenho dois no apartamento - uma recolhida da rua - e ainda uma terceira que vive na APCA e que eu ajudo a sustentar.

Bem hajas pelo teu trabalho.

Um []

www.apca.org.pt

4:13 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home