segunda-feira, maio 16, 2005

Cadela adopta pequeno bebé abandonado

Todos os que visitam este blog, percebem que o seu conteúdo está mais direccionado para o activismo. Mas como amar os animais não é uma coisa gratuita e não acontece por acaso, quisemos partilhar convosco esta notícia (data do dia 9 do corrente mês) onde claramente estão subentendidos os grandiosos valores dos animais, em deterimento dos valores que a humanidade tem vindo a perder.

***
Nairóbi, Quénia Uma cadela que havia tido filhotes há pouco tempo e que estava à procura de comida encontrou um bebé abandonado do sexo feminino numa floresta no Quénia e levou-o até à cesta onde estavam os seus filhotes.

A cadela, uma rafeira, carregou o bebé numa rua movimentada e passou por uma cerca de arame farpado num bairro pobre perto da Floresta Ngong, na capital do Quénia, Nairóbi.

Aparentemente, a cadela encontrou o bebé no saco plástico no qual ele havia sido deixado, afirmou Aggrey Mwalimu, o proprietário do lar onde o animal está agora a viver. Não ficou claro como o bebé sobreviveu no saco plástico sem ser sufocado.

7 Comments:

Blogger peciscas said...

História comovente e que mostra que há animais que são mais humanos que muitos humanos que não se julgam animais.

4:50 da tarde  
Blogger ivamarle said...

louvável este vosso cantinho, vou visitar mais vezes. o meu amor pelos animais é incondicional, e louvo todas as iniciativas que divulguem a necessidade de ajuda aos nossos meninos...

5:03 da tarde  
Blogger t. said...

Grande cadela.
Grande animal.

São animais de uma sensibilidade e amor incondicionavel.

Eu tenho duas.

11:23 da tarde  
Blogger wind said...

Que coisa linda! os animais ditos irracionais são assim. bjs

9:03 da tarde  
Blogger Kitty said...

:D

Fizeste-me lembrar um programa que vi na 2, noutro dia, acerca de um urso bebé. Não vi o início mas, por qualquer motivo ficou sem a mãe e estava aos cuidados de uma instituição que recolhia animais. Cuidava deles e procedia à sua inserção no habitat natural. Entretanto tinham "mães" adoptivas para os animais. Neste caso um dos casais tinha uma cadela e enquanto o urso foi pequenino ela tratava dele também, como se fosse o seu bebé! :-)

9:57 da tarde  
Blogger ElEkTrO said...

Histórias como estas dão cada vez mais sentido a que os animais tem uma inteligênçia acima da média e que alguns deles fazem ver a muita gente reles e cruel que anda por esse mundo fora...Tocou-me fundo este gesto carinhoso da cadela...Por isso é cada vez mais digo que o mundo é injusto para com os animais...Eles são o que de mais belo temos,como há pessoas capazes das mais diversas crueldades em detrimento deles e apenas por puro divertimento ou luxo??Infelizmente vou ficar sempre na ignorânçia de nunca saber a resposta...

Beijo*

1:55 da manhã  
Blogger Malapata said...

Eu sou de encontro a violência dos animais! Muitos é tratado mal em Portugal: burros e cão e gaivota. Alguns bicho sofre! Ainda existe pessoa cruel que faz sofrer gatos. Isso não é certo!

2:30 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home